sexta-feira, 8 de maio de 2009

Eu e a Lua


Eu:
Ó lua, me olhas tão triste
Fazendo-me ver escorrer sangue dos teus pequenos olhos invisíveis.

A única que chora junto comigo, a única que mostra sua luz
A única que na presença de sua luz serena...
Me faz escrever estes cinzentos versos,
Versos brancos,
Simples versos que não cansam de insistir no pessimismo.

Sua luz me trás serenidade,
Contigo quero seguir, contigo já não me sinto só, contigo não quero olhar pra trás.
Sob a tua luz, eu serei feliz.

Estas nuvens sombrias que chegam, estas nuvens avermelhadas querem acabar com tua luz... não se preocupe, eu estou contigo... e nosso amigo vento irá expulsa-las.
Não tema por favor, eu não te deixarei. Estás banhada com meu sangue, já faz parte de mim.
Não desista de brilhar, nem de sorrir... ó minha lua.

Lua:
Estás sozinha minha cara? Se estiver... Não dependa do meu brilho, pois dou grandes voltas.
O que sentes? Por que desistir da vida tão facilmente? Por que queres isso?
Pense um pouco em mim, pense o que passo, pense no frio que sinto por está tão sozinha. Posso estar sozinha, perdida e solitária, atrás destas nuvens, mas nunca deixarei de brilhar.

Eu sou a companhia que todos gostam de sentir, de olhar.
Pense na vida que falavas dias atrás, minha cara. Ela é feliz, só não é tão esperançosa como queres.
Lute. Lute...
Só resta acreditar, só tu podes. Por favor, não dependa de mim para se sentir segura ou para sorrir.
Minha luz, é apenas para iluminar as sombras.
Não desista de si mesma, siga seus sonhos...
Tenha fé.

P.s:. Aos poucos me levanto, ainda estou ferida
Mas percebi que ainda não posso desistir.
Ainda sonho, talvez um sentido na vida.
A lua é minha companheira, mas não dependa apenas de alguém ou de alguma coisa para sorrir. Dependa dos próprios passos para ser feliz... Arrisque.

06/05/2009

4 comentários:

  1. Gostei do blog, você escreve muito bem. Sucesso

    ResponderExcluir
  2. Não desejarei boa sorte, pois sorte pra mim não existe. Não vou dar parabéns, pq não é teu aniversário, eu acho, não vou dizer: nossa que lindo! pq isso não combinaria com um texto expressivo como este...

    posso dizer ao menos isto: pise firme cada passo, tens talento e disso nem sabes!

    e teu poema está

    Bom ;/

    bjs

    ResponderExcluir
  3. Quis dizer: ...tens talento e disso BEM sabes!
    perdoe o erro! rsrsrsss

    ResponderExcluir
  4. amei o diálogo.

    adorei o blog, e também estou seguindo. caso se interesse por uma parceria de links, entre em contato. seria uma honra divulgar seu espaço em meu blog.

    bjs.

    Blog Suicide Virgin

    ResponderExcluir