segunda-feira, 23 de junho de 2014

E então, naquela noite silenciosa eu fui até você,
Eu senti o teu cheiro de perto,
Eu senti todo aquele amor que se fora
Eu te senti depois de meses..

Eu cheguei ao teu ouvido e sussurrei
"eu desisto... de tudo que ainda posso desistir"
Mas ao envés disso, eu disse que te amava como todas as noites.

Por favor, não..

Nenhum comentário:

Postar um comentário