quinta-feira, 13 de março de 2014

Querido diário virtual

Estou lendo como se não houvesse amanhã. O tempo passa, eu me perco e as vezes volto.
Não entendo direito o que está acontecendo, mas minha vida saiu dos meus olhos, escorreu pelo rosto, e parece estar por cada página, acabo esquecendo o real, o que acalma tudo que estremece.
Já sentiu isso?
É exatamente como estou me sentindo ultimamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário