quarta-feira, 13 de abril de 2011

Aquele tempo

Lembro do tempo que te perdi...
Que machucava meus tímpanos ouvindo musicas
Pra ao menos tentar não lembrar o teu rosto..

Aquele sim, aquele tempo
Que eu pensava que tudo estava acabado...
Em que eu sentia que gritar insanamente seria uma das curas

Aquele tempo, sim... Ele...
Ele que estava no coração e continua com os restos...
Eu pensei que fosse forte, e agora sou...

E não sinto mais dor, estou forte,
Eu grito, por que é bom e não pra te esquecer.
Você se foi, eu não queria que fosse assim, mas foi...

E infelizmente chegamos ao fim,
O fim que por si só,
Disse a nós dois que não terá mais volta.

Um comentário:

  1. Gostei muito do texto.. confesso q só li um.. Mas gostei da maneira como vc escreve!

    Parabéns pelo blog!

    Conheça Geisting, um blog de contos http://geisting.blogspot.com/

    me siga que te sigo também!
    Sucesso!!!

    ResponderExcluir