Rato na roda (Pitty)

Tenho pressa eu vou correr
Sempre há muito que fazer
Nem parece o mesmo lugar
Minha adorável gaiola dourada
E se for?
Agradeço pela ração
Aqui tudo está sempre à mão
Um cantinho pra eu me deitar
Uma bola pra me acalmar
E se for?

Sempre correndo mais e mais e mais... Mais e mais e mais... Mais e mais e mais e mais e mais.

Vê? É simples
Eu nem me importo mais
Sempre seguindo pra nunca chegar...

Veio dizendo já é tarde
Intensifica a ansiedade
Vidros, quartos impessoais
Cordões de isolamento e tudo mais
E se for?

Te cuido tanto aqui
Te dou o que quiser
É só me diverti e não tentar fugir
Sempre correndo mais e mais e mais... Mais e mais e mais... mais e mais e mais e mais e mais.

Vê? É simples
Eu nem me importo mais
Sempre seguindo pra nunca chegar...

Mais e mais e mais... Mais e mais e mais e mais e mais.
Vê? É simples
Eu nem me importo mais
Sempre seguindo pra nunca chegar...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Querido diário virtual

Notória lembrança

Carta jogada ao vento