Awe


Não me procure
Não me perdoe..
Eu sou apenas mais uma maldita..
Que padece nesta vida vil
Não me faça mais ter dores..
Meu coração está fraco e eu me tornei..
Uma mentirosa onde finjo sorrisos que nunca dei!

Me tornei doente da vida..
Onde depende de sorrisos e olhares para sobreviver..

Onde mais posso me esconder?
O céu ja não me dá luz..
Meu anjo some.. e eu chamo e chamo
E nem uma resposta ganho..

Estou perdida..
Sacrificada..
Afogando em meu próprio sangue...
Grito por socorro e nada vejo

O que adianta ficar tão feliz...
Se quando caiu.. a queda é maior..

Equilibrio.. tempo.. do que preciso..??
E novamente nada mais faz sentido ..

Meus gritos.. tornaram-se sussurros abafados..
Isso não tem fim.. mais uma crise toma conta de mim..

Quanto mais observo..
Mais tenho medo..

E vejo..

Ninguém pode me salvar de mim mesma.
13/08/09

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Querido diário virtual

Notória lembrança

Carta jogada ao vento